POLÍCIA

Carro de empresário morto foi usado em dois assaltos antes de ser incendiado

G1   10/07/2018

Marcelo Henrique Amorim foi morto com um tiro no peito na tarde de segunda-feira (9) em assalto. Veículo foi encontrado abandonado em estrada vicinal na Zona Sul de Teresina.

Divulgação

clique para ver a foto em tamanho real

Veículo foi incendiado e abandonado em estrada vicinal no extremo Sul de Teresina.

 

O veículo que foi roubado do empresário Marcelo Henrique Amorim, morto com um tiro no peito nesta segunda-feira (9) foi localizado por policiais militares na região do residencial Orgulho do Piauí, no extremo Sul de Teresina, na noite do mesmo dia. O automóvel foi incendiado e abandonado no local, e encaminhado para o Instituto de Criminalística.

A Polícia Militar informou que foi acionada por volta das 21h50 da noite de segunda-feira (9). Populares informaram que havia um veículo em chamas na estrada vicinal entre o residencial Orgulho do Piauí e o Polo Empresarial Sul.

O delegado Francisco Costa, o Baretta, informou que a investigação já conseguiu reconhecer todo o trajeto que foi feito pelo assaltante no veículo roubado. Segundo o delegado, a polícia já tem um suspeito pelo crime, e que o carro foi utilizado em assaltos.

Os policiais militares encontraram uma das placas ainda no veículo, o que confirmou que se tratava do veículo que havia sido roubado do empresário Marcelo Henrique por volta das 16h, no bairro Tabuleta, na Zona Sul de Teresina.

Marcelo Henrique foi vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte), quando foi abordado por um homem armado logo que estacionou o veículo na Avenida Gil Martins, logo em frente à academia de que era dono. Marcelo sofreu um tiro no peito. Depois do crime, o assaltante fugiu do local com o carro. O empresário foi velado na manhã desta terça-feira (10) em Teresina.

 

© 2010 Jornalista 292— Todos os direitos reservados.