Publicidade  - Bio

POLÍCIA

Operação Call Center: polícia indicia 21 suspeitos de aplicar golpes em compra e venda de veículos na internet

G1   16/07/2018

Os bandidos conseguiram roubar um valor de R$ 2 milhões, em 50 dias. Inquérito foi encaminhado para a justiça na sexta-feira (13).

 

Polícia Civil concluiu o inquérito da Operação Call Center e encaminhaou para a justiça na sexta-feira (13). Ao todo, 21 suspeitos de aplicar golpes em compra e venda de veículos na internet foram indiciados, com prisões cumpridas em Cascavel e Cuiabá. Segundo o delegado Matheus Zanatta, que coordenou as investigações, essa foi a maior operação do país em fraudes de plataforma digital e em 50 dias, os bandidos conseguiram roubar R$ 2 milhões.

"Os bandidos comandavam tudo de dentro da Penitenciária Central de Cuiabá. Quarenta pessoas foram interrogadas e admitiram o crime e que a estrutura da organização era complexa. Se tratava de uma verdadeira organização criminosa, que tinha uma estrutura complexa e uma divisão de tarefas, cada pessoa tinha sua tarefa nessa organização criminosa”, explicou.

Foram 21 pessoas presas e o inquérito irá se estender as pessoas que foram interrogadas e soltas. Os suspeitos foram indiciados por falsidade ideológica por causa dos perfis na internet, estelionato e organização criminosa, aumento e agravante já que os coordenadores planejavam toda a ação e porque usavam uma menor de idade para fazer os saques.

“Nós fizemos aproximadamente 40 interrogatórios em duas semanas em Cascavel e o que chama atenção que todas as pessoas, sem exceção, confessaram o crime, que faziam as movimentações bancárias e outras que cooptavam pessoas para fazer essa movimentação bancária”, contou o delegado.

Outra coisa que chamou atenção da equipe de investigação foi à rapidez nos saques. “As pessoas recebiam o dinheiro do golpe na parte da manhã ou perto do almoço, transferiam pequenos valores para várias outras contas e todo mundo sacava ao mesmo tempo”, explicou Zanatta.

A investigação se iniciou no dia 12 de maio, depois que uma pessoa foi vítima da quadrilha no Piauí. Além disso, os mandados de busca e apreensão foram expedidos também no estado. No Brasil, a polícia identificou cerca de 25 vítimas, enquanto no Piauí, 16 vítimas foram evitadas.

Entenda como funcionava o golpe

O golpe era feito através de um perfil falso em uma plataforma digital e existia um vendedor com perfil verdadeiro nessa mesma plataforma, mas no anúncio, os fraudadores não mostravam as características externas do carro e colocavam preços atrativos. Quando o comprador entrava em contato com o golpista, ele virava uma espécie de intermediador entre o vendedor de boa fé e o comprador, ludibriando os dois.

“Normalmente ele usava a história de que realmente ele tinha esse carro para vender, mas estava com outra pessoa, então ele fazia a intermediação. Antes de mostrar o carro, ele dizia ao vendedor que quem iria ver era um ex-funcionário com quem tinha uma dívida trabalhista, mas que na hora de pagar era para tratar com ele mesmo. Para o comprador, ele pedia um sinal que geralmente variava entre R$ 40 mil e R$ 60 mil e pedia para ser depositado pela manhã e marcava a ida ao cartório para tarde, para dá tempo sacar o dinheiro", explicou Zanatta.

Segundo o delegado, no momento em que a vítima transferia o dinheiro, já tinha uma pessoa no banco para fazer a transferência para várias contas que pudessem sacar o mais rápido possível, porque quando vendedor e comprador se encontrassem no cartório iriam descobrir o golpe e iriam fazer boletim de ocorrência para bloquear o dinheiro, mas este já não estaria mais na conta depositada.

"Nós pedimos o bloqueio das contas e dos documentos dos veículos envolvidos e indiciamos por falsidade ideológica por causa dos perfis na internet, estelionato e organização criminosa, aumento e agravante já que os coordenadores planejavam toda ação e porque usavam uma menor de idade para fazer os saques", concluiu o delegado.

os mandados de prisão e busca e apreensão cumpridos foram expedidos pela Central de Inquéritos de Teresina pelo juiz Luiz Moura e com o parecer do promotor José Eduardo. "A agilidade deles foi fundamental para o sucesso da operação", avaliou o Zanatta.

Comentar Enviar por e-mail Imprimir

Comentários:

Não há comentários para a matéria no momento.

Envie um comentário para a matéria.
Origem da mensagem: 54.224.11.137









Visual CAPTCHA


O JORNALISTA 292 não se responsabiliza pelas mensagens postadas como comentário das notícias, sendo estas de sua inteira responsabilidade, podendo, quando julgar algum comentário inadequado, inativá-lo ou excluí-lo de sua base de dados. Salvo confirmação de seus dados informados.

Mais Notícias:

:: Família de cantora gospel morre esmagada por carga de laranjas

:: Prefeitura empossa novos secretários

:: Ao lado de Mão Santa, Luciano Nunes cumpre agenda na região Norte

:: Polícia resgata três crianças e prende seis adultos em "boca de fumo" no Piauí

:: Dois homens morrem após confundirem veneno com cachaça em Teresina

:: TSE autoriza envio de tropas da Força Federal para Picos e mais 113 municípios do Piauí nas eleições

:: MP-PI e MPF pedem bloqueio de mais de R$ 1 milhão para pagar dívidas da Maternidade Evangelina Rosa

:: Golpistas clonam contas do Whatsapp e pedem dinheiro para contatos das vítimas no Piauí

:: Servidores da Eletrobras param atividades em protesto contra leilão

:: Empresário é baleado durante tentativa de assalto

:: Em nota, a Prefeitura confirma licitação R$143 mil que vai realizar no dia 3 de agosto

:: Prefeitura de Picos quer gastar R$ 143 mil em hospedagem

:: Mais de 200 mil pacientes dos planos Iaspi e Plamta continuam sem atendimentos por falta de repasses

:: Partido articula visita de Jair Bolsonaro ao Piauí

:: Reunião do PT tem clima tenso e acaba em briga com troca de socos

+ Polícia

POLÍCIA

Polícia resgata três crianças e prende seis adultos em "boca de fumo" no Piauí

10.08.2018

A ação aconteceu durante cumprimento de mandado de busca e apreensão na quinta-feira (9).

POLÍCIA

Dois homens morrem após confundirem veneno com cachaça em Teresina

10.08.2018

A polícia afirma que, a princípio, trata-se de um acidente provocado pelas próprias vítimas que se envenenaram.

POLÍCIA

Golpistas clonam contas do Whatsapp e pedem dinheiro para contatos das vítimas no Piauí

25.07.2018

A Delegacia de Repressão a Crimes de Informática, em Teresina, registrou seis casos em apenas um dia. Em um dos golpes, os criminosos conseguiram a quantia de R$ 8 mil.

POLÍCIA

Empresário é baleado durante tentativa de assalto

25.07.2018

A vítima foi atingida com um tiro na perna e foi identificada como Francisco de Assis Carvalho.

POLÍCIA

Caso Marielle: polícia prende um dos suspeitos de estar no carro de assassinos

24.07.2018

Orlando é suspeito ainda de mandar matar o ex-presidente da escola de samba Parque da Curicica

POLÍCIA

Dr. Bumbum é preso no RJ após morte de cliente

19.07.2018

O Dr. Bumbum estava foragido desde domingo.

JUSTIÇA

Pais de bebê achado morto em Teresina são soltos em audiência de custódia

19.07.2018

Juiz determinou medidas cautelares aos pais, para manter a liberdade dos dois.

POLÍCIA

Velório de bebê de cinco meses é marcado por revolta da população

19.07.2018

A causa da morte ainda não foi determinada e o IML ainda emitirá um laudo.

POLÍCIA

Menina de 13 anos vítima de estupro dá à luz em Teresina; padrasto continua preso

18.07.2018

Delegado aguardava nascimento da criança para realização de exame de DNA, que poderá identificar autor do estupro. Padrasto é o principal suspeito.

POLÍCIA

Em 4 horas, Teresina registrou três latrocínios e uma execução

18.07.2018

De acordo com Robert Lavor, aparentemente os quatro crimes não têm ligação.

ESPECIAIS

Editorial

Na política, padres encontram escândalos, processos e cadeia no Piauí

15.07.2018

Mas estes casos mostram, antes de tudo, que os padres precisam fazer menos política e rezar mais.

publicidade Williamns Lopes3
apaas Casa do Automóvel Williamns Lopes5 piauishopping4 Alberto Lotação e Turismo4 honda6 piauieletro Moreno Calçados 1 Bio Dr Wesley6 eco

JORNALISTA 292

Todos os artigos publicados, neste web site, são de inteira responsabilidade de seus autores, não refletindo obrigatoriamente a opinião do J292.

Desenvolvido por: Aroldo Santos – Soluções Web.