Publicidade  - piauieletro2

ARTIGO

Deputado sem mordomia e com salário baixo

Zózimo Tavares   21/03/2018

Essas regalias e tantas outras mordomias concedidas de mão beijada aos parlamentares brasileiros já estão tão naturalizadas que ninguém mais estranha.

 

Imagine um lugar onde deputado não tem carro oficial. Tampouco tem uma vaga reservada apenas para ele na sede do parlamento.

Nesse lugar, se não estiver de carona, o deputado só tem uma maneira de chegar ao parlamento com motorista: é se ele pegar o ônibus coletivo que conduz a população para o centro da cidade.

Uma exceção para transitar em carro de representação é feita apenas ao presidente do Parlamento.

Mas ele só tem direito a essa regalia se for a um evento na condição de presidente da Câmara e não a título pessoal.

Tem mais: nesse lugar, a política é considerada como um envolvimento popular. Portanto, não existe deputado profissional. Todos os políticos são obrigados a ter emprego.

Mas, para não atrapalhar o emprego de cada um dos 100 representantes do povo, as sessões do Parlamento são realizadas no final da tarde, quando o expediente já terminou.

Também durante os anos em que estão no “poder” não podem contratar parentes e recebem um vale para fazer duas refeições por mês.

O auxílio-moradia não faz parte dos benefícios. Ao final de quatro anos de mandato, os deputados não ganham uma aposentadoria.

A remuneração

Esse lugar existe! É a Suíça, um dos países mais ricos do mundo. O país é um dos pilares de um sistema financeiro mundial que guarda em seus cofres trilhões de dólares.

Em Genebra, um deputado chega a receber por ano cerca de 30 mil francos suíços, o equivalente ao pagamento médio atribuído a um artista de circo ou a um ajudante de cozinha, postos ocupados em grande parte por imigrantes.

O pagamento a um membro do Parlamento de Genebra é bem inferior à média de um salário de um fabricante de queijo, menor que a renda de um mecânico de carros na Suíça, de uma secretária, de um policial, de um carpinteiro, de uma professora de jardim de infância, de um metalúrgico e de um motorista de caminhão.

Enquanto isso...

No Brasil, o salário de um deputado estadual chega a R$ 25.300 por mês em São Paulo, por exemplo.  Além disso, os parlamentares brasileiros têm direito a uma verba mensal (o chamado “cotão”), que pode superar R$ 30 mil, para custeio de gastos de alimentação, transporte, passagens aéreas e despesas de escritório.

Essas regalias e tantas outras mordomias concedidas de mão beijada aos parlamentares brasileiros já estão tão naturalizadas que ninguém mais estranha.

O estranho seria o Brasil querer um parlamento igual ao da Suíça. (Com informações do Estadão)

Comentar Enviar por e-mail Imprimir

Comentários:

Não há comentários para a matéria no momento.

Envie um comentário para a matéria.
Origem da mensagem: 54.166.207.223









Visual CAPTCHA


O JORNALISTA 292 não se responsabiliza pelas mensagens postadas como comentário das notícias, sendo estas de sua inteira responsabilidade, podendo, quando julgar algum comentário inadequado, inativá-lo ou excluí-lo de sua base de dados. Salvo confirmação de seus dados informados.

Mais Notícias:

:: Corpo de homem com hematomas é encontrado na Zona Rural

:: Por falta de gasolina, IML demora mais de 12 horas para recolher corpo em Teresina

:: 15 promotores são transferidos de comarcas por merecimento e antiguidade

:: Dupla armada rouba 23 iPhones de loja na zona Leste

:: Sarah conquista o bronze no Campeonato Brasileiro de Judô

:: Bandidos explodem agência da Caixa de Timon e espalham pregos pela cidade

:: Jovem bióloga de Monsenhor Hipólito perde a luta contra o câncer

:: Jovem é baleado na cabeça enquanto pilotava moto na Zona Sul de Teresina

:: Dono de oficina ferido em explosão não resiste e morre

:: Morador que perdeu tudo chora e faz apelo após incêndio; assista vídeo

:: Dr. Pessoa questiona segurança das urnas e estuda anular resultado das eleições

:: Filhos de Bolsonaro estarão em Teresina em ato de campanha

:: Extrema pobreza avança no PI e atinge 9,5% das famílias

:: Polícia indicia suspeito de matar primo de delegado por ciúmes em Teresina

:: Luciano Nunes anuncia apoio a Bolsonaro

+ Editorial

ARTIGO

Caciques massacrados nas urnas

09.10.2018

A lista é encabeçada pela ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Ela liderou todas as pesquisas de intenção de voto para o Senado, mas acabou em quarto lugar no resultado oficial do TSE.

Picos

Um desastre chamado Padre Walmir

18.09.2018

Citando o nome de lideranças locais como Gil Paraibano e Zé Neri, o senador alegou que o prefeito não tem condições de representar o povo

ARTIGO

Na política, padres encontram escândalos, processos e cadeia no Piauí

15.07.2018

Mas estes casos mostram, antes de tudo, que os padres precisam fazer menos política e rezar mais.

Política

O festival da mamata assola o país

12.07.2018

Câmara, Senado e STF aproveitam o intervalo entre Copa e eleição para praticar o esporte favorito de Brasília: criar privilégios para poucos, pagos com o dinheiro de todos nós

ARTIGO

Quem ganha com a desmoralização da Justiça?

10.07.2018

A sua presidente, a ministra Cármen Lúcia, se limitou a emitir uma nota xoxa e não tomou qualquer decisão.

ARTIGO

Vergonha alheia: de tão banal, a corrupção já não escandaliza

05.07.2018

Infelizmente, no Brasil, as pessoas se acostumaram com os escândalos

ARTIGO

Campanha para baixar imposto dos combustíveis começa com erros

31.05.2018

E o Governo do Estado já avisou que não baixa o imposto dos combustíveis nem que a vaca tussa.

ARTIGO

Uma nova farra de criação de municípios

22.05.2018

E, no final, todos os brasileiros pagam mais essa conta

ARTIGO

E a Barragem de Castelo, ó!

16.04.2018

Continuou o mesmo verão de promessa e seguiu-se um apagão. Ninguém mais falou no assunto

ARTIGO

Entre o bom senso e a loucura

06.04.2018

Lula tem mais é que se entregar

ESPECIAIS

Editorial

Caciques massacrados nas urnas

09.10.2018

A lista é encabeçada pela ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Ela liderou todas as pesquisas de intenção de voto para o Senado, mas acabou em quarto lugar no resultado oficial do TSE.

publicidade Williamns Lopes4
piauishopping4 piauieletro eco Williamns Lopes5 honda6 Alberto Lotação e Turismo4 Casa do Automóvel Moreno Calçados 1 Bio apaas

JORNALISTA 292

Todos os artigos publicados, neste web site, são de inteira responsabilidade de seus autores, não refletindo obrigatoriamente a opinião do J292.

Desenvolvido por: Aroldo Santos – Soluções Web.