Publicidade  - Alberto Lotação e Turismo8

Política

Aumento de salário de vereador no PI para R$ 9 mil é alvo de críticas

Cidadeverde   26/05/2017

Divulgação

clique para ver a foto em tamanho real

Aumento de salário de vereador no PI para R$ 9 mil é alvo de críticas

A resolução com o reajuste foi publicada no Diário dos Municípios

 

O aumento no salário dos vereadores de Batalha (a 160 km de Teresina) tem causado burburinho no município. A resolução com o reajuste foi publicada no Diário dos Municípios da última segunda (22). A previsão de salário passou de R$ 7.200 para R$ 9.529,04.

“Em meio a pressão dos professores para aplicar novo piso, dos servidores da saúde, a população é pega de surpresa com esse valor absurdo de salário que estava engavetado e só agora foi publicado”, afirma o radialista Everardo Torres.

O presidente da Câmara Municipal de Batalha, o vereador Clayson Amaral (PSB), informou que essa resolução havia sido publicada ainda no ano passado e só foi republicada agora para que uma nova, aplicando o redutor, também fosse divulgada.

“O Tribunal de Contas exige que a previsão do salário para o mandato subsequente seja feita antes do pleito. Os contadores apenas aplicam a inflação, na resolução anterior, que neste caso era de R$ 7.200. Mas, o mesmo TCE determina que seja feito uma resolução aplicando o redutor. Por isso, apesar de ser esse valor, o salário do vereador nunca acompanha é sempre menor”, explica o presidente.

Segundo a nova resolução, publicada ontem (24) no Diário dos Municípios, o desconto é de 37,85%, considerando que a Câmara só poderá gastar 70% da receita com a folha de pagamento.

“O vereador recebe atualmente R$ 5.923 bruto, que com os descontos cai para R$ 4.722. Nós temos que fazer a estimativa e aplicar o redutor porque senão podemos ter as contas reprovadas pelo TCE. Essa estimativa e nunca é o valor real”, argumenta.

O parlamentar, que está no quarto mandato na Câmara da cidade, destaca ainda que a resolução só foi republicada agora porque houve mudança de gestão, e que até março estava conhecendo todas as arrecadações da prefeitura.

“Nós estávamos recebendo o mesmo salário do ano passado até março, em abril começamos a receber o valor reajustado e a diferença retroativa a janeiro”, conta.

Clayson Amaral disse que se sente constrangido com a situação, mas que tem que aplicar a determinação imposta pelo TCE, sobre o reajuste salarial. “É constrangedor, mas temos que fazer e a população tem que entender que tem o redutor e não ganhamos esse valor”, finalizou.

Comentar Enviar por e-mail Imprimir

Comentários:

Não há comentários para a matéria no momento.

Envie um comentário para a matéria.
Origem da mensagem: 54.196.74.153









Visual CAPTCHA


O JORNALISTA 292 não se responsabiliza pelas mensagens postadas como comentário das notícias, sendo estas de sua inteira responsabilidade, podendo, quando julgar algum comentário inadequado, inativá-lo ou excluí-lo de sua base de dados. Salvo confirmação de seus dados informados.

Mais Notícias:

:: Agenda de Lula ao Piauí em setembro está definida. Confira

:: PRF prende irmãos acusados de matar professor a facadas

:: Celso Antunes é presença confirmada do SaLiVaG

:: FWF atenderá 400 alunos do EJA neste segundo semestre

:: Volta da Frei Serafim comemora aniversário de Teresina com esporte

:: Guarda Municipal de Teresina encontra menor de idade desaparecida

:: Valorização cultural e tradições marcam 5ª Cultura Negra Estaiada na Ponte

:: Seis bares são interditados e nove notificados durante fiscalização em Floriano

:: Dupla armada rouba moto de Professora em Oeiras

:: PRF prende homem transportando mais de 1200 pássaros silvestres

:: Título de cidadania teresinense para Dória será reapresentado

:: Juiz determina soltura de ex-prefeito do Piauí preso pela PF suspeito de corrupção

:: Delegacia faz mapeamento e anuncia operações constantes contra poluição sonora

:: Bandidos invadem e furtam quase 900 documentos do Detran no interior do Piauí

:: Gabriel O Pensador é atração confirmada do SaLiVaG 2017

+ Política

Política

Agenda de Lula ao Piauí em setembro está definida. Confira

20.08.2017

O presidenciável estará no Piauí nos dias 1º, 2, 3 e 4 de setembro.

Política

Título de cidadania teresinense para Dória será reapresentado

18.08.2017

A rejeição do requerimento na sessão de terça-feira, 15, não foi digerida pelo prefeito Firmino

JUSTIÇA

Juiz determina soltura de ex-prefeito do Piauí preso pela PF suspeito de corrupção

18.08.2017

A Polícia Federal explicou que empresas recebiam pagamentos por obras que nunca foram executadas.

Política

Firmino Filho admite que primeira-dama pode ser candidata em 2018

08.08.2017

Há informações de que a primeira-dama pode sair como candidata a vice-governadora

Política

Presidente nacional do PMDB defende fim de aliança com o PT no Piauí

08.08.2017

João Henrique já chegou a propor a antecipação de uma convenção no Piauí para decidir sobre uma candidatura própria em 2018

Legislativo

Câmara de Picos retoma trabalhos após recesso

04.08.2017

Sessão de reabertura dos trabalhos legislativos foi realizada ontem e contou com a presença de 14 dos 15 vereadores com assento na casa

Política

Dos 10 deputados piauienses, 5 declaram voto para livrar Temer

03.08.2017

Três declararam voto contra Temer; dois não revelaram voto mas devem votar contra a denúncia

PIAUÍ

Governador autoriza investimentos em calçamento e abastecimento de água em Patos do Piauí

02.08.2017

Serão aplicados R$ 800 mil em pavimentação e R$ 400 mil na instalação de um sistema básico de abastecimento na zona rural

Política

Padre Walmir se reúne com vereadores da base aliada e discute projetos para Picos

02.08.2017

Durante o encontro, o prefeito e os parlamentares discutiram a execução e retomada de obras, como também as ações realizadas pela administração e o planejamento para os próximos meses de gestão.

Política

Lula virá a Marcolândia, Picos e Teresina em setembro

01.08.2017

Os eventos no Piauí fazem parte do roteiro de uma caravana que vai percorrer o Nordeste durante 21 dias

ESPECIAIS

Editorial

Nada de PT, PMDB ou PSDB. Maior partido é o da JBS. Depois, o da Odebrecht.

25.05.2017

Na prática, tinham governos e governantes debaixo do braço. Como poderia ser diferente?

publicidade paoecafe7
apaas brilhante Kildary6 Moreno Calçados 1 piauieletro Camisetas3 honda6 PROCORDIS 2 Casa do Automóvel recanto Alberto Lotação e Turismo4 paoecafe9

JORNALISTA 292

Todos os artigos publicados, neste web site, são de inteira responsabilidade de seus autores, não refletindo obrigatoriamente a opinião do J292.

Desenvolvido por: Aroldo Santos – Soluções Web.