Publicidade  - piauieletro2

ARTIGO

Governo fecha é Delegacias

Zózimo Tavares   21/08/2015

Resumo da ópera: o governo reagiu prontamente à sugestão para fechar secretarias, mas, sem que ninguém pedisse, vai fechar delegacias

 

Há poucos dias, a bancada da oposição na Assembleia Legislativa, em um gesto inusitado e esquisito, ensaiou um diálogo com o Governo do Estado. Depois, explicou que queria propor, sem que o governo estivesse pedindo, sugestões para evitar que a crise financeira que castiga outros Estados chegue ao Piauí com o mesmo furor.

O governador Wellington Dias, em sua habitual pose de bom moço, aceitou de bom grado o aceno da oposição. Quando soube, porém, que entre as propostas dos oposicionistas estava o fechamento de pelo menos dez secretarias, a extinção de no mínimo 1.500 DAS e o fim da convocação de dez suplentes de deputado estadual, ele disse que o governo estava muito bem, obrigado!

O diálogo entre a oposição e o governo acabou por aí. Em seguida, o governo anunciava que, com o objetivo de melhorar o atendimento à população e conferir mais eficiência às investigações dos crimes, a Secretaria de Segurança vai fechar os Distritos Policiais de Teresina durante a noite e implantar oito Delegacias Polos que vão funcionar 24 horas por dia.

De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil, Riedel Batista, essa mudança vinha sendo discutida desde janeiro deste ano pela cúpula da Segurança, e a expectativa é que a nova estrutura de atendimento à população passe a funcionar a partir de outubro. As oito delegacias gerais serão distribuídas pelas cinco regiões da capital. O Centro e a zona Sudeste terão uma Delegacia Polo, enquanto as zonas Leste, Sul e Norte terão duas delegacias, cada.

Para o delegado-geral, a mudança possibilitará que a Polícia Civil atenda melhor à população, aumentando a rapidez e a qualidade das investigações. "Hoje, como todos os DPs funcionam 24 horas por dia, durante o plantão da noite só ficam dois a três agentes por distrito. Com essa mudança, será possível escalar de cinco a seis agentes por noite. Assim, nós vamos conseguir realizar diligências em todos os crimes, o que nem sempre acontece. Em muitos casos, o policial só registra o boletim de ocorrência e não pode se deslocar até o local do crime, para colher provas e iniciar a investigação. Com a concentração dos trabalhos nas delegacias polos, esse problema será resolvido", afirma Riedel.

O projeto também prevê, ainda, a contratação de seguranças particulares para garantir a proteção aos distritos policiais que permanecerem fechados durante a noite e madrugada.

Resumo da ópera: o governo reagiu prontamente à sugestão para fechar secretarias, mas, sem que ninguém pedisse, vai fechar delegacias, quando deveria dotá-las das condições necessárias aos seu funcionamento. Isso em uma cidade em que a criminalidade avança assustadoramente.

Comentar Enviar por e-mail Imprimir

Comentários:

Não há comentários para a matéria no momento.

Envie um comentário para a matéria.
Origem da mensagem: 54.80.89.148









Visual CAPTCHA


O JORNALISTA 292 não se responsabiliza pelas mensagens postadas como comentário das notícias, sendo estas de sua inteira responsabilidade, podendo, quando julgar algum comentário inadequado, inativá-lo ou excluí-lo de sua base de dados. Salvo confirmação de seus dados informados.

Mais Notícias:

:: Sistema prisional do Piauí ganha novas armas, viaturas e munições

:: Câmara dos Deputados fará sessão em homenagem a Oeiras

:: Audiência pública irá discutir elaboração do Plano Plurianual e a Lei Orçamentária Anual

:: Profissionais de 70 municípios passam por capacitação do novo sistema de marcação de exames

:: PMDB não se entende sobre rumo do partido em 2018

:: Prefeito Mão Santa se posiciona sobre episódio em escola

:: "Sempre combateu o racismo e não vai se calar agora", diz mãe de Miss Brasil sobre comentários racistas

:: Lucy Silveira diz que aguardará momento certo para decidir sobre candidatura

:: Teresina tem um assalto a cada três dias; botão do pânico deve ser instalado em setembro

:: Cortes de verbas de 40% no Ibama preocupa para o combate a incêndios no Piauí

:: Universidade Aberta do Piauí abre edital de processo seletivo com 60 vagas para tutores

:: Hospital de Picos passa a contar com UTI a partir de outubro

:: Mortes em acidentes de trânsito caem 41% no primeiro semestre

:: Alunos participam de aula inaugural do Qualificar Tur

:: Conselho do Direito da Mulher elege nova mesa diretora

+ Opinião

ARTIGO

Expectativa de vida

06.12.2016

No Piauí, só não se morre primeiro porque o Maranhão fez o favor de passar adiante

ARTIGO

Lambendo a rapadura

25.05.2016

O projeto eleitoral do governador para 2018 exclui, portanto, o senador Ciro Nogueira e a vice-governadora Margarete Coelho

LUTO

Homenagem: Um jogo de Leonardo pelo Blog do Torcedor

02.03.2016

Um exibição que talvez seja a maior do jogador com a camisa rubro-negra.

LUTO

Leonardo e o ano mágico de 1994

02.03.2016

Ex-atacante foi campeão pernambucano e da Copa do Nordeste, além de comandar Sport em jogos memoráveis naquela temporada

ARTIGO

Obrigado por me deixar ver a história, Leonardo

02.03.2016

Não tenho todos os gols de Leonardo na cabeça, todavia os mais marcantes estão vivos na mente,

OPINIÃO

Escolas da rede estadual estão caindo aos pedaços no Piauí

16.02.2016

Uma das escolas que está prestes a cair é a Unidade Escolar Monsenhor Bonson na cidade de Água Branca

ARTIGO

Um Comitê contra o Crime

28.01.2016

A iniciativa do governo é oportuna. O combate à violência não é papel apenas do aparelho policial, isoladamente.

ARTIGO

O governo contra-ataca

06.01.2016

Mas vejamos o que o auxílio-moradia realmente importa para o ajuste fiscal.

ARTIGO

O que nos dizem as prisões

26.11.2015

Para o cidadão de bem, se é partido A ou B, não importa. O que importa é que seja preso e punido quem usa do poder e das facilidades

ARTIGO

Governo quer dobrar o TCU

07.10.2015

O ministro do TCU que vem sendo bombardeado pelo governo e pelo PT já presidiu a Corte

ESPECIAIS

Editorial

Nada de PT, PMDB ou PSDB. Maior partido é o da JBS. Depois, o da Odebrecht.

25.05.2017

Na prática, tinham governos e governantes debaixo do braço. Como poderia ser diferente?

publicidade Camisetas2
brilhante piauieletro eco Camisetas3 Casa do Automóvel apaas Moreno Calçados 1 Alberto Lotação e Turismo4 recanto paoecafe9 PROCORDIS 2 Bio

JORNALISTA 292

Todos os artigos publicados, neste web site, são de inteira responsabilidade de seus autores, não refletindo obrigatoriamente a opinião do J292.

Desenvolvido por: Aroldo Santos – Soluções Web.